Asakusa além do templo: comida de rua, botecos, passeio de riquixá e superstições

Loja de doces de batata-doce: vale conferir!

Um passeio por Asakusa pode ir muito além de uma visita ao Senso-ji, um dos templos mais conhecidos de Tóquio. Nesse vídeo produzido pelo Direto do Japão, do meu querido parceiro Roberto Maxwell (figurinha carimbada aqui do blog), descobri muitas coisas bacanas do tradicional bairro, começando com um passeio de riquixá.

Foi a primeira vez que andei nesse tipo de carroça e admito que foi MUITO divertido! Os riquixás (palavra que vem do japonês jinrikisha, veículo de tração humana) se popularizaram durante a Era Meiji e acabaram substituindo as liteiras como meio de transporte por serem mais rápidos. Hoje em dia, encontramos essa charmoso meio de transporte nos pontos turísticos mais tradicionais do Japão, como Asakusa. Lá rola uma concorrência altíssima entre os shafu, guias que puxam os riquixás e que têm na ponta da língua histórias e curiosidades sobre o bairro.

Um lugar que o shafu mostrou é a Tanuki Dori, a rua dos tanukis, que fica a oeste da famosa rua Nakamise. Cada uma das 12 estátuas de cão-guaxinim japonês, figura muito presente no folclore do país, carrega um tipo de sorte diferente: sorte com dinheiro, amor, família e por aí vai! Ele me pediu pra escolher só um para passar a mão e pegar um pouquinho da sorte do bichinho. Queria ter feito um mix de tanukis, mas acabei escolhendo o de família <3

Mas a grande atração do dia foi passear pelas ruas de Asakusa na companhia do meu amigo Wallace, que já mora na capital há mais de seis anos e conhece vários esconderijos gastronômicos da cidade. Ele me mostrou algumas atrações imperdíveis da área, bem pertinho do templo.

Menchi katsu e doces de batata doce 

Os lugares visitados no vídeo ficam a poucos metros de distância um do outro e são bem fáceis de achar. O Asakusa Menchi normalmente tem uma fila na porta e O-imoyasan Koshin fica num imóvel grande de esquina (cliquem nos nomes para abrir o mapa).

Asakusa Menchi: o menchi katsu mais saboroso da área

Sorvete de batata doce x yaki manju de flor de cerejeira: páreo duro!

Yaki manju

E aqui vai uma dica que acabou ficando de fora do vídeo – muito mais por questões burocráticas do que por falta de sabor! O Wallace me levou para conhecer uma barraquinha especializada em yaki manju, uma versão frita do tradicional doce japonês que geralmente é recheado de pasta de feijão azuki. Nesse lugar, eles fazem o doce com vários tipos de recheio, como o de sakura, que foi o meu escolhido. Que delícia! Me deu vontade de provar todos os outros, mas eu já tinha comido muito no dia :P. O yaki manju fica em uma das últimas barraquinhas da rua Nakamise, indo sentido templo.

Barracas de comidas e lembrancinhas da rua Nakamise, que fica no caminho para chegar ao templo: impossível não dar uma paradinha

Hoppy Dori: a rua dos izakayas

Se depois do passeio a vontade é de bebericar e beliscar alguma coisa, a Hoppy Dori é uma ótima pedida. Com várias opções de izakaya, boteco japonês tradicional, a rua conquista com seu charme local e despretensioso.

Hoppy-Dori: opção de izakaya é o que não falta!

Vista de Asakusa e Sky Tree: linda e gratuita

Praticamente em frente ao Kaminarimon, portão de entrada para a área do Senso-ji, fica o Asakusa Culture Tourist Information Center, um espaço projetado pelo arquiteto Kengo Kuma que, além de prestar serviços a turistas, recebe eventos e exposições. É possível subir até o mirante para apreciar uma vista linda do bairro. E, melhor ainda, de graça.

Prédio Asakusa Culture and Tourism Center: mais uma obra do Kengo Kuma em Tóquio

Contemplar o entardecer do alto do Asakusa Culture and Tourism Center vale a pena!

A majestosa Skytree vista do mirante do Asakusa Culture and Tourism Center

 

Produtora de conteúdo interessada em cultura e artes, juntei meu fascínio pelo país de origem dos meus avós com a minha paixão por compartilhar histórias para criar o Peach no Japão. Aqui vocês encontrarão devaneios sobre cultura japonesa, histórias de viagem e dicas que não estão nos guias 😉

Compartilhe:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *