Embarcando em histórias de infância com o casal do “Tabeteimasu”

Carlos e Denise num dos becos sensacionais da Sanchoku Inshokugai, em Yurakucho, Tóquio

Talvez muita gente não saiba, mas comecei a escrever o blog em 2013, quando vim passar um ano em Tóquio. Já nessa época, recebia com frequência comentários muito interessantes de um tal de Carlos Kato. Sempre falávamos de questões culturais ligadas ao Japão, partindo de pontos que tínhamos em comum: ele já tinha morado no país e também era descendente de japoneses.

Depois de um tempão parado, o blog ganhou uma cara nova em 2016, quando retomei a ideia de produzir conteúdo sobre o Japão. O tal do Carlos ressurgiu, sempre com seus comentários e observações bacanas – e eu fiquei muito feliz por ele ainda ser um leitor do blog, mesmo depois de um intervalo de quase dois anos. Passamos a nos seguir no Instagram e, assim, soube que ele tinha voltado a morar no Japão com sua companheira de vida, a linda Denise Makimoto.

No começo deste ano, depois de muito babar com suas fotos lindas (de comidas) do Japão, convidei o casal para compartilhar seus achados gastronômicos aqui no Peach. Fiquei super contente quando eles toparam! Foi assim que surgiu a coluna “Tabeteimasu” – uma adaptação do blog que eles mantinham quando moravam no Brasil sobre, claro, comida!

Logo que confirmei o meu retorno ao Japão, a primeira coisa que fiz foi avisá-los. Seria a oportunidade de trocarmos figurinhas pessoalmente. No último domingo, depois de tantos likes dados, comentários feitos, e-mails trocados, finalmente nos conhecemos.

A conversa foi longe e acabamos descobrindo que tínhamos outras coisas em comum além da nossa ligação com o Japão: o Carlos e eu crescemos no mesmo bairro de São Paulo e estudamos na mesma escola (carinhosamente conhecida como “Coleginho” rs)! Daí a Denise lembrou do Pibus, a hamburgueria mais tradicional do bairro, que resiste bravamente no mesmo ponto, em meio à invasão de redes gringas.

Lembrar do Pibus foi mergulhar em memórias da minha infância, quando passava um sábado ou domingo fora de São Paulo com a minha família e, na volta pra casa, parávamos lá para tomar um lanche. Quando eu era pequena, não gostava de comer sanduíches porque ficava irritada quando dava uma mordida e todo o recheio escapava do pão (isso também acontecia com vocês?). Ainda assim, gostava dessas paradas no Pibus.

Um passeio que combinou a arquitetura do Tokyo International Forum, um parfait de matchá delicioso e os becos sensacionais de Yukakucho: <3

Conhecer o Carlos e a Denise foi isso tudo: nostálgico, divertido, especial – e, claro, não poderia faltar boa comida! Assim como reencontros com amigos de longa data devem ser. <3

Produtora de conteúdo interessada em cultura e artes, juntei meu fascínio pelo país de origem dos meus avós com a minha paixão por compartilhar histórias para criar o Peach no Japão. Aqui vocês encontrarão devaneios sobre cultura japonesa, histórias de viagem e dicas que não estão nos guias 😉
Compartilhe:

Comentários

comments

Filed under Devaneios

Produtora de conteúdo interessada em cultura e artes, juntei meu fascínio pelo país de origem dos meus avós com a minha paixão por compartilhar histórias para criar o Peach no Japão. Aqui vocês encontrarão devaneios sobre cultura japonesa, histórias de viagem e dicas que não estão nos guias ;)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *