Zakka: o lifestyle japonês que une cacarecos e design

Fachada de um zakkaya em Tóquio

Esqueça aquela imagem de casas minimalistas, com poucas coisas e muitos espaços vazios: no dia-a-dia, os japoneses adoram ter por perto objetos diversos com as finalidades mais variadas possíveis

Zakka (雑貨), que pode ser traduzido como “artigos diversos” ou “miscelânea de mercadorias”, é um conceito que orienta o design de produtos, o comportamento de consumo, a organização da casa e, de um modo geral, o estilo de vida dos japoneses. Para a gente, essa palavra bacana (que tal o “Café Zakka”?) pode significar, entre outras coisas, bugigangas, cacarecos e tranqueiras.

O 21-21 Design Sight, galeria de arte em Roppongi, apresentou no ano passado uma exposição sobre o tema, explicando que zakka é mais do que uma categoria de produtos – a de produtos não categorizáveis, no caso. Pode ser entendido como “coisas que acompanham os espaços do nosso cotidiano e funcionam como um elemento sutil de decoração”, podendo trazer alegria às nossas vidas, tornando o dia-a-dia mais prático e funcional, ou mais bonito e divertido.

Exposição “ZAKKA -Goods and Things”, do 21-21 Design Sight (2016)

De acordo com a curadoria da exposição, os tipos de coisas consideradas como zakka foram mudando com o curso da história. Durante o crescimento econômico do Japão no pós-guerra, chaleiras, vassouras, baldes e outros itens úteis à vida doméstica faziam parte desses artigos diversos. Hoje em dia, objetos sem utilidade aparente mas que não deixam de trazer alegria e personalidade à casa enchem as prateleiras das lojas de zakka, chamadas de zakkaya (não confunda com izakaya!).

“Illustration and zakka”: loja em Shimokitazawa

Além de contemplar uma miscelânea de artigos, o zakka atual é resultado de uma miscelânea de influências: da Bauhaus ao design escandinavo, passando pela cerâmica japonesa Mingei, junto ao boom do plástico e do design industrial.

Os japoneses são mestres em criar cacarecos de design – coisa que eu adoro. E, não por acaso, as lojas que indiquei nesse post sobre compras em Tóquio são exemplos de zakkaya.

Na decoração, o zakka se refere a um estilo um pouco caótico, cheio de coisas amontoadas, mas que, surpreendentemente, segue alguma linha de organização. Aposto que muitos de vocês vão se lembrar da casa da obaatian, não é? 😉

Agora vocês já sabem. Quando alguém reclamar da bagunça dos cacarecos da mesa do escritório, falem que aquela baguncinha tem nome em japonês: zakka.

 

 

Produtora de conteúdo interessada em cultura e artes, juntei meu fascínio pelo país de origem dos meus avós com a minha paixão por compartilhar histórias para criar o Peach no Japão. Aqui vocês encontrarão devaneios sobre cultura japonesa, histórias de viagem e dicas que não estão nos guias 😉

Compartilhe:

Comentários

comments

Filed under Artes e Design

Produtora de conteúdo interessada em cultura e artes, juntei meu fascínio pelo país de origem dos meus avós com a minha paixão por compartilhar histórias para criar o Peach no Japão. Aqui vocês encontrarão devaneios sobre cultura japonesa, histórias de viagem e dicas que não estão nos guias ;)

2 Comments

  1. Gostei muito do que li aqui no seu site.Estou estudando o assunto,Mas quero agradecer por que seu texto foi muito valido. Obrigada um beijinhu 😉

    • Piti Koshimura

      Oi Renata! Que bom que gostou do texto, fico feliz em poder ter te ajudado nessa pesquisa! Obrigada pela mensagem 🙂 beijos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *