Profissão: compositor(a) de trilha sonora de videogame

Diggin in the carts - Divulgação

Dica que vale ouro pra quem cresceu durante os anos 80 e 90, jogando Sonic, Street Fighter e Final Fantasy: assistam ao documentário “Diggin’ in the Carts”, disponível online aqui: http://daily.redbullmusicacademy.com/2014/10/diggin-in-the-carts-series

A dupla de neozelandeses Tuataroa Neill e Nick Dwyer, com o apoio da Red Bull Music Academy, foi atrás da galera que criou as trilhas que embalaram os principais games japoneses (existiam outros nessa época?? rs) e o resultado, dividido em seis episódios, é cheio de descobertas incríveis – além de ser deliciosamente nostálgico!

Esse tipo de trilha, cujos autores pouca gente conhece, teve um impacto enorme sobre a cultura pop moderna e toda uma geração de músicos, o que é comprovado pelos depoimentos de gente como o Flying Lotus e a Ladyhawke.

Um relato bacana é o da compositora dos temas do Street Fighter II, Yoko Shimomura.

Nesse mundo super machista que é o de games, fica aqui a informação de que foi uma mulher quem compôs toda a trilha do jogo (RÁ!)

 Recado dado, achei curiosa sua inspiração para a criação do tema do Blanka, aquele monstrengo verde que representava o Brasil. No trem, a caminho do trabalho, uma sacola verde e amarela na prateleira de bagagens chamou sua atenção. E, imediatamente, veio à sua cabeça o tararirarim que embalaria os golpes do personagem (confesso que, mesmo sendo feioso, pesadão e lento, eu adorava o Blanka por causa dos choques que ele dava :P).

Pra quem quer refrescar a memória:

E, aqui, o primeiro episódio da série:

https://youtu.be/m8z8-SKg3WU

Produtora de conteúdo interessada em cultura e artes, juntei meu fascínio pelo país de origem dos meus avós com a minha paixão por compartilhar histórias para criar o Peach no Japão. Aqui vocês encontrarão devaneios sobre cultura japonesa, histórias de viagem e dicas que não estão nos guias 😉
Compartilhe:

Comentários

comments

Filed under Música

Produtora de conteúdo interessada em cultura e artes, juntei meu fascínio pelo país de origem dos meus avós com a minha paixão por compartilhar histórias para criar o Peach no Japão. Aqui vocês encontrarão devaneios sobre cultura japonesa, histórias de viagem e dicas que não estão nos guias ;)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *